Nossa Força vem de Deus

Jesus não veio somente para nos trazer a salvação.
Ele veio também para nos tirar a vergonha, a humilhação e nos dar vida em abundância.

Em nossas vidas existem situações que nos puxam para baixo, e nos puxam com muita força. A gente não quer ficar triste, nem angustiado, e nem com medo, mas essa força parece ser mais forte do que a nossa própria fé. O medo, principalmente exerce em nós uma força muito grande, uma força destrutiva. Nós podemos até ter motivos para alegria, mas a tristeza, a angústia e o medo não deixam. E essas situações crescem em nós, onde nos encontramos fracos e desestruturados. Mas quando buscamos forças em Deus, mesmo com medo, confiamos no Senhor, e aí conseguimos buscar força, sabedoria e estratégias para vencer toda situação adversa!

Mas temos que nos lembrar que é Deus quem nos levanta, que nos renova e nos fortalece! E que em momentos de angústia, tristeza, medo e aflição, NUNCA devemos questionar a Deus... muito menos murmurar... devemos nos entregar totalmente a Ele e crer que como está escrito em Rm 8:28: "tudo coopera para o bem para aqueles que amam a Deus."!!!

Vamos falar um pouco de Jó. A família e a vida de Jó foram muito afetadas, e a mesma força que destruiu a vida de Jó, é a mesma que tenta afetar a nossa vida, tentando nos enfraquecer e nos distanciar da presença de Deus. Nada pode contra a nossa força que temos em Deus, mas se existe em nós uma fraqueza e não buscamos em Deus forças, essa fraqueza cresce e se fortalece. Por isso devemos ser fortes, no Senhor, para que o diabo desista da nossa vida (“resisti ao diabo e ele fugirá de vós"...Tg 4:7), assim como ele desistiu da vida de Jó e de outros grandes homens e mulheres de Deus relatados na Bíblia. E isso é possível, se tomarmos posse da força que Deus nos dá diariamente... só basta a gente pedir e crer que recebemos... e essa força vem através da Sua Palavra, das Suas Promessas!

Falando de Jó... ele tinha muitos medos, apesar de ser justo e íntegro, e levar uma vida de oração. Mas a vida dele foi arrombada e todas as suas áreas destruídas, e Jó precisava reagir. Assim também somos nós, não basta termos vida de oração, pois muitas pessoas levam vida de oração, mas por obrigação, não oram pelo prazer de estarem falando com a pessoa mais importantes de suas vidas, com a pessoa que pode fazer tudo e até mais do que pedimos ou pensamos... devemos ser companheiros de Deus, fazer dEle nosso amigo número 1 aqui na Terra.

Outra coisa que fazemos é que quando tudo vai bem, estamos bem com Deus; agora se anda tudo mal, também estaremos mal com Deus! Pessoal, isso não pode acontecer jamais! A balança que mede nosso relacionamento com Deus não pode viver de altos e baixos, devemos sempre estar firmes no Senhor! Temos que viver com o que CREMOS e não com o que VEMOS. Afinal, nós vivemos pela FÉ, não é mesmo? Devemos lutar diariamente para termos esse avivamento individual, para vivermos firmes na presença de Deus, e não cair nas armadilhas do diabo e dar a ele crédito para que ele haja nas nossas fraquezas... afinal... maior é o que está conosco!

Na vida de Jó, as coisas ruins deixaram de acontecer quando ele declarou em Jó 19:25 -  “Eu bem sei que o meu Redentor vive”! Devemos declarar isso todos os dias. A vitória que vence o mundo é a nossa FÉ!

Jó 30:12-14 – Não podemos dar brechas para o permitir o diabo agir em nossas vidas. O problema de Jó não era o pecado, as suas brechas eram suas fraquezas e medos (“Porque aquilo que temia me sobreveio; e o que receava me aconteceu.” - Jó 3:25).

Por isso devemos ter Jó como exemplo... e como ele, devemos ter fé, buscar força e não deixar brecha em nenhuma área da nossa vida... No final do relato bíblico da história de Jó, ele disse assim em Jó 42:2 - “Bem sei que tudo podes, e nenhum dos seus planos podem ser frustrados”!

Mesmo com todo o seu sofrimento, com tudo o que ele passou, Jó nunca deixou de crer em nenhuma promessa de Deus para a sua vida... ele sabia que um dia Deus livraria ele, como realmente livrou. Somente para conhecimento, o sofrimento de Jó conforme relato bíblico durou 9 meses, mas os anos de restituição do Senhor, onde ele teve sua vida restaurada, sua saúde, sua família, suas finanças e certamente sua Salvação, foram de 140 anos, bem vividos na presença de Deus!

Que Deus possa estar falando ao seu coração, assim como ele falou ao meu com essa pregação, pois quando fui hoje para a igreja, era justamente essa palavra que eu estava precisando ouvir!
(Pregação Pra. Nayra Pedrini)

Um comentário:

  1. VANESSA

    SHALOM PRA TI !!!

    AMADA PASSANDO AQUI EM SEU ESPAÇO LI !!!

    VALEU PELA MENSAGEM !!!

    ARTESÃO CLÁUDIO LUCENA

    SHALOM !!!!

    DEUS ABENÇOE SUA VIDA !!!

    ResponderExcluir

Fico muito feliz quando você deixa um comentário:

Venha nos acompanhar...