Casamento

Recebi esse texto da minha amiga Patrícia Teixeira, que leu num blog da Sara Lingel e achei muito bom dividir com todas as solteiras que logo logo estarão se casando. Se ainda estão sozinhas pensem ser esse o momento de se prepararem para a chegada do "noivo". Invistam em vocês para que se tornem uma esposa sábia, amorosa, boa dona de casa e cheia de Deus. Não se precipitem Deus está trabalhando... Bjs

"Acostumo dizer que depois da decisão da salvação, o casamento é a coisa mais importante que acontece na vida de uma pessoa. Até então a pessoa vive como um individuo para Deus e depois passa a viver uma nova vida, que realmente é uma nova vida, a dois, com uma pessoa do outro sexo, de uma outra família, com outras experiências, hábitos, prioridades, etc. E para mim, da mesma forma que há um momento público onde a pessoa mostra ter morrido para o mundo e agora se levanta para viver para Deus que é o batismo, assim é o momento da cerimonia de casamento. É o momento diante de Deus, da família, da Igreja, amigos, onde o casal publicamente é “batizado”, morrendo para a vida individual e se levantando para uma vida de casado.


Fico muito triste quando pessoas pensam em se casarem e “sairem correndo”, sem aquele momento onde pessoas da comunidade do casal podem ser testemunhas da decisão que eles estão fazendo. Isto porque esta atitude não é nenhum pouquinho bíblica. O primeiro milagre registrado na Bíblia que Jesus fez foi numa festa de casamento! Meu pai Adilson diz que é muito importante ter aquele momento diante de Deus e pessoas, por mais simples que seja, para pelo menos tirar uma foto, para que haja um memorial daquele momento que divide a vida de antes de casar e depois de casar.

Outro aspecto para mim que é ainda mais importante, é a questão da gratidão e reconhecimento ao Senhor. O momento do casamento é muito importante para ser ignorado ou até mesmo levado de acordo com o padrão. A maioria dos casais, se decide fazer uma cerimônia, simplesmente segue uma liturgia padrão. É como se você vai a um casamento, você foi em todos daquela cultura. Eu fui ensinada fazer algo especial em ações de graças a Deus quando recebemos alguma bênção, e o meu entendimento é de que sendo o casamento tão sério, o casal deve preparar algo especial diante de Deus, em gratidão e reconhecimento pelo o que Ele fez… mas talvez seja a incerteza de que foi realmente Deus que fez, que não motiva as pessoas de darem toda a glória e honra ao Senhor.

Com este entendimento, meu esposo e eu, junto com minha família e amigos, concentramos todas as nossas forças em prepararmos este momento perante Deus e as pessoas, e muito pouco tempo nas outras coisas que diziam respeito a nos depois do dia do casamento, para não sermos egoístas, principalmente quando entendemos que era um momento único para honrar nossos pais, amigos e principalmente o Corpo de Cristo."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico muito feliz quando você deixa um comentário:

Venha nos acompanhar...