Declaro-me ou não?

Amor em Foco

Essa dúvida impede muitas mulheres de serem felizes. Mas é importante agir conforme a sua fé
Desde os primórdios, ao homem foi dada a reponsabilidade da conquista; é ele quem sempre deu o primeiro passo para iniciar um relacionamento amoroso. Por mais que nos dias atuais essa ideia esteja mudando, muitas mulheres ainda sofrem quando o assunto é declarar seu sentimento.

Há aquelas que se sentem constrangidas quando têm que tomar a iniciativa. Para a autora do livro “Escolhida Para o Altar”, Tania Rubim, essa atitude depende muito da fé  e da maneira de ser de cada uma. “Se você gosta de alguém e tem fé e coragem para expressar seus sentimentos, vá em frente! Isso não te desvalorizará como mulher”, ressalta.

Para Rubim, a melhor forma de o pretendente descobrir seu sentimento por ele é você falando. “Faça isso com respeito e sinceridade, se você não falar, como ele vai saber? Seguramente não ira adivinhar. Falar o que você sente não é vergonhoso nem quer dizer que você esta se rebaixando”, alerta.

A escritora fala do pior caminho para chegar até a pessoa. “O que eu acho que desvaloriza a mulher é quando ela fica se insinuando para o homem, se oferecendo, dando em cima. Ela não tem coragem de falar o que sente, então fica se exibindo, enviando olhares fatais que parece que vai comê-lo com os olhos. Ou quando ele esta por perto ela fala alto, dá risadas despropositadas com a intenção de chamar a atenção dele de alguma maneira, ou então fica dando indiretas. Isso sim é feio, indiscreto e deprecia a sua imagem; essas atitudes fazem o rapaz pensar que você é uma oferecida”, aconselha.

Rubim acredita que agir com sensatez é a escolha ideal. “É melhor você atuar com descrição e, em lugar de querer demonstrar seus sentimentos de maneira equivocada, aproxime-se do rapaz e seja sincera com ele. Mas vai preparada. O máximo que pode acontecer é você receber um não. Mas, neste caso, você já decide a sua vida e não fica perdendo tempo, fazendo ilusões com algo que não tem futuro.”

“Se ele corresponde aos seus sentimentos, deixe-o tomar iniciativas daquele momento em diante. Ele deve conquistar, convidar para sair, ligar para você... Não esqueça que o homem é o caçador e ele gosta do desafio de conquistar, permita que ele faça a parte dele”, finaliza Tânia Rubim.

Por Tatiana Alves

Fonte: www.terapiadoamor.arcauniversal.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico muito feliz quando você deixa um comentário:

Venha nos acompanhar...